Viva a Digitalização, principalmente no mundo financeiro: Conheça o Pix, a revolução financeira para os brasileiros!

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn

A mais recente opção do Sistema de Pagamentos Brasileiro (SPB), Pix é a forma prática, simples e barata para atividades financeiras.

O Pix estará disponível para uso da população brasileira a partir de novembro de 2020. Ainda em fase de cadastramento, o Banco Central (BC) está liderando a implantação do
ecossistema que está sendo construído de forma participativa, envolvendo diversos agentes do mercado, organismos e instituições financeiras.
O principal objetivo do BC é aumentar a eficiência e a competitividade do mercado de pagamentos no Brasil, por meio da criação de um novo meio de pagamento que ajudará no processo de eletronização do mercado brasileiro. O Pix representa um grande avanço e mudança no ambiente econômico, principalmente no mercado financeiro. Inserido em um ambiente aberto, competitivo e seguro, auxiliará no processo de eletronização dos pagamentos, aumentando a eficiência no mercado, visando o desenvolvimento de soluções direcionadas na experiência do cliente.

Viva a Digitalização, principalmente no mundo financeiro

Digamos que ele seja a versão otimizada dos serviços bancários TED e DOC, onde a transferência pode demorar até um dia útil para ser concluída somado com as elevadas taxas cobradas se a transação for entre bancos diferentes. Com essa nova opção de pagamento, será possível movimentar seu dinheiro para qualquer banco, horário e dia da semana, tendo a expectativa para conclusão em menos de 10 segundos. Além disso, a vantagem de isentar ou diminuir os custos por transação, para usuários Pessoa física seu uso será gratuito e Pessoa Jurídica – empreendedores e empresários – pagarão R$ 0,01 para cada 10 transações. Isso causará uma redução significativa de custo com forma de pagamento, pois, para base de comparação, temos o TED, que custa R$0,07 a cada transação, taxas de maquininhas de cartão que variam conforme a operadora e outros serviços.

[Quer aprender mais sobre gestão financeira? Clique aqui]

O diretor de Organização do Sistema Financeiro do Banco Central, João Manoel Pinho de Mello, adianta que planejam permitir as transferências internacionais por meio do Pix e deve entrar em funcionamento em 2022 e 2023, facilitando o processo cambial e fluxo internacional.

Atualmente temos diversos serviços digitais com muitas vantagens pelo seu uso, minimizando a burocracia se comparado à instituições financeiras tradicionais. Economizamos tempo nas filas ou espera de conclusão nas transações financeiras, dinheiro com as taxas, a vantagem de ter um atendimento diferenciado e mais solícito e sobretudo, mais segurança no aspecto de evitar o porte de grandes valores em espécie e consequentemente roubos ou violência por esse motivo.

Realmente começamos com a revolução financeira, a democratização nas transações financeiras de forma simples, prática e acessível. Com mudanças constantes no ambiente econômico, percebemos o quanto é necessário pensar de forma ampla, conhecer as ferramentas e estratégias financeiras mais recentes aplicadas no mercado financeiro. Esses impactos no mundo econômico, reflete na demanda de financistas profissionais que estejam devidamente capacitados para enfrentar esse e muitos outros desafios.

A Next te ajuda a ser um deles! Contando com a melhor equipe docente reconhecida de forma internacional por sua trajetória profissional, o Master em Direção Financeira é a opção certa para seu investimento.

Quer aprender e ser um experto em Direção Financeira? Clique aqui e faça a diferença!

Quer receber as últimas notícias da Next International Business School?